Escolas Amigas dos Direitos Humanos

No âmbito da Comemoração do Dia dos Direitos Humanos a 10 de dezembro, os alunos do projeto Escolas Amigas dos Direitos Humanos (EADH) de 2ªf dia 5 a 6ªf dia 9 desenvolveram atividades no sentido de lembrar à Comunidade Escolar alguns dos Direitos Fundamentais das pessoas.

Leia mais...

Stop Bullying em letras humanas "desenhadas" na mobilização do projeto Escolas Amigas dos Direitos Humanos no dia 9 de maio.

No âmbito da comemoração do Dia Internacional da Família, assinalado a 15 de maio, realizou-se na 2ªfeira dia 16, na Cantina Escolar um almoço de pais e/ou Encarregados de Educação com os seus filhos/educandos.

Leia mais...

Os casamentos precoces no Burkina Faso foram um dos temas da Maratona de Cartas de 2015 que decorreu no nosso agrupamento. Nesta iniciativa apresentámos o caso de “Maria” (nome fictício) que tinha 13 anos quando o pai a obrigou a casar com um homem de 70 anos. Maria não é um caso único. No Burkina Faso, existem milhares de raparigas e adolescentes que são forçadas a casar precocemente.

Leia mais...

O projeto Escolas Amigas dos Direitos Humanos começou a ser implementado pela Amnistia Internacional Portugal no ano letivo de 2013/2014, em cinco escolas portuguesas, aumentando para seis escolas no ano letivo de 2014/2015. O projeto que pretende trazer os direitos humanos para dentro do espaço escolar é já implementado em mais de 90 países por todo o mundo.

Uma escola amiga dos direitos humanos promove, respeita e ensina para e através dos direitos humanos, criando oportunidades para a participação ativa de todos os atores da comunidade escolar. A Amnistia Internacional obteve um financiamento da Comissão Europeia para implementar o projeto “Stop Bullying! Uma abordagem baseada nos direitos humanos para combater a discriminação nas escolas” nas seis escolas com que tem vindo a trabalhar.

No passado dia 23 de Outubro no auditório da Escola Secundária Reynaldo dos Santos em Vila Franca de Xira decooreu um Encontro Nacional de Estudantes das seis EADH, com a participação de 10 estudantes e 1 professor de cada uma das escolas envolvidas no mesmo. Com os seguintes objetivos:

a)       Criar uma rede de estudantes das escolas envolvidas no projeto;

b)       Adquirir novos conhecimentos sobre bullying e discriminação;

c)       Desenvolver mecanismos de prevenção de bullying e discriminação nas escolas e nas comunidades locais.

Os nossos 10 estudantes representaram muito bem a escola e vêm cheios de ideias para aplicar e melhorar a forma como se está na Escola Pedro Ferreira!

Encontra-se em anexo a "Análise do Questionário de Medição da Temperatura do Bullying nas Escolas - 2014-2015" 

 

Visitantes 

Temos 15 visitantes e Nenhum membro online

Template Settings
Select color sample for all parameters
Red Green Blue Gray
Background Color
Text Color
Google Font
Body Font-size
Body Font-family
Scroll to top